O que é psicodelia? Modulation ajuda a responder.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

compartilhe

Foto: Rodrigo Fávera

Quem disse que a psicodelia existe apenas em festivais?

A primeira edição da Modulation, que aconteceu no último dia 12, mostrou que é possível termos um evento underground e bastante psicodélico no meio da cidade.

Com a união de três amigos fascinados por música e psicodelia, tendo o objetivo de resgatar a essência da música eletrônica underground, surge o Modulation.

Buscando frequências sonoras mais noturnas e experimentais do psychedelic trance a primeira edição contou com um line up com dois grandes projetos nacionais e artistas locais, como Diza, que também apresentou-se com seu projeto paralelo Maredi Goruti , Atropp, Onionbrain, Inner Mirrors, Enigma, Zirok e o vs entre Stancke e Tarti.

Acho importante o crescimento das vertente noturnas do psytrance e a conquista do espaço para as mesmas, levando a eventos como a Modulation. Hoje já contamos com um grande número de projetos, e com um grande público interessado nesse tipo de som, é essencial que esse tipo de evento aconteça e fico muito feliz em fazer parte disso! (Bruno Azalim aka Onionbrain)

Fico muito feliz de ter feito parte da primeira edição da Modulation. O que vi ali foi muito promissor e espero que perdure por muitos anos! A pista estava com uma energia muito massa. (Bruno Azalim aka Onionbrain)

Mas para termos uma imersão maior do público na psicodelia não basta apenas ter um line-up bem elaborado, o local, a decoração e toda a estrutura se tornam mais do que a “cereja do bolo”, e, neste caso, tivemos várias cerejas.

A começar pela decoração incrível do Fernando do Valle, responsável pela Arte Beta, que conseguiu fazer eu me sentir em um “mini” Pulsar e a feirinha com roupas da Alucinarium.

A música liberta e transforma, e temos certeza que uma semente de transformação foi plantada neste dia 12 de agosto com música eletrônica de alta qualidade.

Que esta transformação continue não apenas em nossa cena, mas também em cada um de nós. Que possamos aprender a valorizar cada vez mais os eventos e principalmente os artistas locais. A Modulation me mostrou mais uma vez que ainda existe espaço para a psicodelia nas festas.

Confira abaixo alguns registros incrivelmente fodas feito pelo xará e fotógrafo Rodrigo Fávera.

https://soundcloud.com/stancke/4625-khz-no-masterhttps://soundcloud.com/tartimdt/tarti-dj-set-encontro-hauflart-ii

Fotos: Rodrigo Fávera

Próximos eventos